Menu

terça-feira, 31 de julho de 2012

Mais por mim.


Estou tentando seguir meu rumo
Estou tentando seguir sozinha...
Por sozinha me vejo só, em meu mundo de pensamentos, em meu mundo de ilusões.
Por sozinha eu excluo tudo o que me rodeia, as pessoas que me circundam.
Estou vivendo um período breve.
Estou reclusa de sentimentos.
Fechei meus olhos para não ver  o estrago das decisões.
Dos olhos cerrados lágrimas escorriam, pareciam cair em um abismo.
Fiz escolhas duras, não estou pronta para mais dor. 
Esqueci por um minuto o que jurei.
Entendi por que perder nunca foi fácil.
Senti a culpa das palavras ditas, a solidão das escolhas erradas, a força do que eu fiz.
Eu decidi por mim. 
Não alterar o que fiz, é uma forma insana de mudar o que eu pensei.
Não é desistir, é optar por não ir.
Não é esquecer, é lembrar em silêncio.
Não é odiar, é omitir o amor.
Não é ficar livre, é ter prisão perpetua.
Não é um Não, é um talvez, “um dia”.
É um momento meu, eu vou realizar, e vou seguir em frente,
 vou fazer dos meus passos um guia. 
Vou fazer mais por mim e menos pelos outros.
Vou escrever uma história de cada vez por que viver duas não me fez feliz.
E quando tudo estiver certo, quando todos estiverem prontos,  vou saber o que fazer.
Vou saber como dizer, como acabar pra recomeçar, sem ter mais que escolher
E se assim for para ser, SERÁ!

By(P.)




Um comentário:

  1. Esse texto me lembra alguém de coração partido, dando a volta por cima, numa fase de recuperação rsssss
    Gostei mto!
    abs

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião! Acredite ela é muito importante para mim!
Obrigada por ter passado aqui!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...