Menu

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Ilustre desconhecido.



E naquela quarta-feira cansativa, silenciosa e solitária, sentei-me em uma cadeira frente a uma mesa qualquer aguardando que meu prato fosse servido.
Não era bem o que ansiava degustar, nem tão pouco o que de melhor havia ali, e sim o que tinha aquela altura da noite para saciar minha fome.
O prato me foi entregue acompanhando garfo e faca, e um café puro e forte que não combinava em nada com a refeição mas esse sim mataria minha abstinência.
Me levantei, fui até o balcão e pedi saches de catchup, voltei a mesa e reparei que á pouco menos de 6 passos estava um piano e a frente dele um jovem, enquanto calmamente abri o pacote dos talheres e o sache de catchup ele se sentava e começava a tocar convidado pela placa acima do instrumento onde o anuncio era claro, "aquele que saiba tocar pode nos prestigiar com seu talento".
As primeiras notas saem encabuladas, como quem há muito não tocava, mas sem demonstração alguma de receio ou vergonha daqueles que ainda passavam pelo saguão quase vazio. 
Comecei a cortar o sanduíche de salame, e logo percebi que não é do meu feitio posar de boa moça, abandonei de lado o garfo e faca e agarrei com as duas mãos o pedaço de pão enchendo-o de catchup, sem combinação alguma, segui comendo lentamente como nunca fiz. 
Eu ouvia aquela música, e a próxima, e mais uma e assim fiquei ali por pelo menos 20 minutos há ouvir aquele ilustre desconhecido enchendo meu coração de paz, com músicas que mesmo eu com um repertório extenso nunca ouvi antes. 
Enquanto ele tocava eu viajava em pensamentos sonhava acordada, e após a refeição nada apetitosa, mas necessária, apreciei - e esse sim com gosto - meu café ainda quente.
Eu não queria deixar aquele lugar mas por obrigação precisei me levantar deixando ali a imagem e o som que me acalmou levando apenas na memória aquele jovem rapaz, que tocava como quem sentia saudades daquele habito, como quem amava algo que não lhe pertencia mais e que me levou de encontro á saudade de algo que há muito tempo não faço.
By:(P.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião! Acredite ela é muito importante para mim!
Obrigada por ter passado aqui!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...